DAKAR 2011: América do Sul Annie Seel, a detentora do título de campeã do Dakar entre as senhoras, já está preparada para a sua quinta participação n

DAKAR 2011: América do Sul

Annie Seel, a detentora do título de campeã do Dakar entre as senhoras, já está preparada para a sua quinta participação no lendário Rali Dakar através da América do Sul. A missão é a de novamente lutar pela vitória e defender o seu título!

“O objectivo principal é terminar - acima de tudo.
Foi esta missão que me levou até à vitória."

A declaração anterior é a essência da determinação de Annie. Ela provou isto no seu primeiro Rali Dakar em 2002, alcançando o pódio como líder da classe mesmo com uma mão magoada, problemas no motor e debaixo de tempestades de areia.

100% De provas terminadas.
Desde então, Annie participou em 17 Ralis da Taça do Mundo e provas de todo o terreno em todo o mundo - sem nunca desistir de nenhuma. Annie detém assim um recorde único de 100% de provas terminadas.

Vencedora do Dakar 2010.
No Dakar 2010 Annie foi coroada Campeã Feminina, depois de uma corrida muito dura, que incluiu um espectacular acidente ao melhor estilo de "Tomb Raid" quando caiu num poço escavado no deserto, tendo como consequência um dedo partido. Annie foi no entanto resgatada do buraco, pode continuar em prova rumo a uma espectacular vitória na Taça das Senhoras - o seu momento mais alto de sempre!

Missão Dakar 2011: Vitória.
Annie sonha sempre com a "prova perfeita", onde tenha uma corrida limpa e isenta de problemas. Mas cada participação no Dakar encerra muitos desafios, e este ano irá haver muita luta no que diz respeito à competição feminina. O objectivo para o Dakar 2011: Defender a coroa!

Fãs espalhados pelo Mundo inteiro.
Um pouco por todo o Mundo, os Fãs de Annie podem segui-la pela Internet e pelo Facebook. Ela foi eleita como um dos "Heróis do Dakar" no Eurosport.com.

Piloto de características únicas.
Annie é uma das mulheres com mais experiência de competição em todo o mundo, tendo participado em corridas de estrada, motocross, supermoto e ralis de todo o terreno. E também em 4 rodas - em 2007 pilotou automóveis quando participou na VW Polo Cup disputada em Nürburgring.

A história de Annie começou em 2002...
O Dakar 2002 foi um dos mais duros de sempre, onde apenas 33% dos participantes terminaram. Annie sobreviveu e terminou classificada em 54ª da geral, vencendo ainda a categoria de "Produção 400" logo na sua primeira tentativa. Recusou-se a desistir quando as coisas se complicaram, desafiando os seus próprios limites pois fracturou a mão direita, magoou uma perna e passou ainda uma longa noite no deserto com problemas técnicos debaixo de tempestades de areia e chuva, mas mesmo assim conseguiu chegar ao pódio em Dakar.

Campeã da Taça do Mundo de Senhoras.
A participação em corridas e a experiência obtida em múltiplos ralis deram frutos - em 2004 ela ganhou a medalha de ouro e o Campeonato do Mundo de Senhoras na Cat. 450!

A primeira "Ironwoman" nos EUA.
Annie Seel é a primeira Ironwoman do mundo... em Junho de 2004 ela foi a primeira mulher a participar a solo na classe IRONMAN da prova de todo o terreno mais longa dos Estados Unidos, a lendária Vegas-to-Reno.

Recorde do Mundo do Monte Evereste em 2003.
Em 2003 Annie desafiou o Monte Evereste nos Himalaias - com uma moto. Superando o mal-estar provocado pela altitude e um clima muito agressivo, aos comandos uma moto de aluguer Nepalesa com 21 anos conseguiu obter o recorde feminino de altitude no Monte Evereste ao atingir os 5305 metros.

Pontos altos da carreira de Annie Seel:

2010 Rali Dakar: 45ª na classificação geral, 1ª mulher;
2010 Austrália Safari Rally: 15ª na classificação geral, 1ª mulher;
2010 Campeonato Nórdico de Enduro: 2ª mulher;
2009 Austrália Safari Rally: 16ª da classificação geral, 1ª mulher;
2009 Rali Dakar: 76ª na classificação geral (melhor classificação em etapa: 41ª),sofreu uma fractura do ombro;
2008 Rali dos Faraós: 12ª na classificação geral, 3ª na Cat. Super Produção e 1ª mulher;
2008 Rali da Europa Central: 24ª na classificação geral, 1ª mulher;
2007 Rali Dakar: 94ª na classificação geral (melhor classificação em etapa: 17ª), sofreu problemas técnicos na sua moto;
2005 Premiada com o troféu de "Adventure Woman of the Year" na Suécia;
2004 Campeã Feminina da Taça do Mundo de Ralis na Cat. 450;
2004 Primeira "Iron-Woman", participação a solo na prova Las Vegas-to-Reno 2003 nos EUA;

Recorde do Mundo do Evereste: Primeira mulher a atingir os 5305 metros numa moto;
2002 Primeira participação no Rali Dakar: 54ª na classificação geral, 1ª na Categoria de "Produção 400";
2002 Primeira mulher a participar na categoria Pro-Class na Baja 1000 milhas tendo terminado no 8º lugar;
2000 Primeira participação num rali, no UAE Desert Challenge disputado no Dubai tendo terminado no 49º lugar.

Acompanhe a participação de Annie no Dakar!

Blog: AnnieDakar.wordpress.com

Web: AnnieSeel.com

Team Seel Motorsport: swedenchallenge@happy.se, mob: +46 708 733 711
Press Contact: Marie Hessel, thedakarrally@gmail.com, mob: +46 702 23 86 86

1px